sábado, 28 de dezembro de 2013

Décadas

Faz hoje precisamente 40 anos. Encontrámo-nos com os padrinhos num café na praça de Londres. Descemos a Guerra Junqueiro, subimos a um cartório e assinámos o que havia para assinar. O padrinho estava tão bem aperaltado que o conservador lhe perguntou se era ele o noivo! Acabada a cena, fixada para a posteridade por uma máquina a que o dono se tinha esquecido de tirar o filtro amarelado que à época se usava muito para atenuar o sol (o que fez com que o nosso genuíno sorriso, registado na ocasião, tivesse ficado, para sempre, amarelo), lá seguimos todos (o "todos" eram os noivos e os dois padrinhos) para uma jantarada que, não sei bem porquê, foi em Sesimbra. Foi assim que esta história começou. Ou melhor, ela verdadeiramente começou antes, pelo que hoje vamos comemorá-la, também com pouca mas muito boa gente, isto é, com dois amigos (e respetivos pares) que, vai para cinco décadas, testemunharam o início de tudo.

28 comentários:

jose reyes disse...

Parabéns!

Anónimo disse...

Merecem os parabéns sem sombra de dúvida , aliás tantos como as décadas.

Isabel Seixas

Helena Oneto disse...

PARABENS!!!
Grande abraço ao casal de pombinhos:)!

Alcipe disse...

Parabéns e os nossos votos de felicidades enormes, com toda a amizade

Alcipe, (aliás Mendes, Luis Mendes) e Didas

Anónimo disse...

Os meus respeitosos parabéns ao exemplar casal, com uma palavra especial de admiração para a Sra. D. Virgínia, que sabe ser ela própria e estar presente em tudo, sem nos fazer dar por isso. Dia 28 de dezembro, entre o Natal e o Ano Novo, foi uma data muito bem escolhida. Felicidades!

a) Henrique de Menezes Vasconcellos (Vinhais)

PS - São verdadeiros os rumores que dão o Sr Feliciano da Mata como desaparecido em combate?

Defreitas disse...

On devrait toujours être amoureux. C'est la raison pour laquelle on ne devrait jamais se marier. Moi, je ne suis pas marié depuis 40 ans. Mais j'admire ceux qui ont fait le grand saut. Et je leur souhaite tant de bonheur...

Anónimo disse...

Parabéns!! Muitas felicidades!!
Isabel Azevedo

ARD disse...

Abraços para ti, um beijo à Gina, felicidades para o casal.

Anónimo disse...

Parabéns pelas 4 décadas passadas! Que continuem a celebrar esta data com saúde e a boa disposição que tão bem sabe partilhar com os seus amigos.
Grande abraço
José Honorato Ferreira

São disse...

Primeiro que tudo, parabéns e votos de que passem ainda muitos mais anos assim felizes.

Mas que longo namoro...Dez anos? Hoje nem o casamento dura tanto, na maior parte dos casos, rrss

Bom fim de semana e alegres festejos!

Anónimo disse...

Quarenta anos é obra.

Anónimo disse...

Os parabéns - confusos - da 'velha senhora' (a que junto os meus - mui sinceros):

ai que estória* tão bonita
meu amor lá se casou
parabéns não faço fita
ciumenta eu jamais sou
todas juntos* viva a vida
viva o amor - quem me convida?


*
'estória' me perdoe que sei lhe desagrada
e 'todAs juntOs' foi pra ser convosco amada

Anónimo disse...

Comemorar é sempre bom! É sinal que não esquecemos os atos. Mas comemorar 40 anos de casados não é para muitos!... Aqui ficam os meus votos para que este dia se repita por muitos e muitos anos, com saúde e alegria.
MT

Anónimo disse...

O Freitas esmaga-nos com os seus comentários em Português mas, quando a coisa resvala para o sentimento, só lhe lembra o Francês. "Choses"...

Defreitas disse...

Ao anónimo das 13:11 : Mas é que tem razão ! Só ao regressar ao computador é que me apercebi que o "contrariei" com a língua de Victor Hugo! Apresento desculpas sinceras. Esta língua é , para mim, automática porque da vida de todos os dias desde há meio século Uma espécie de "dever" que se conjuga com "prazer" , que me dita a minha "Portugalidade"! Mas, já agora, permita que lhe diga que sempre achei que o Francês não tem comparação com nenhuma outra língua nos diálogos sentimentais. E como amar é, antes de mais nada, a arte de dizer, tenho a impressão que se diz melhor nesta língua. Choses ...

opjj disse...

Caro Dr.Seixas da Costa, é obra, tb passei por lá , last year.Quando digo isso a mais jovens, eles ficam com cara de espanto e na dúvida.
Os tempos mudaram!
Felicitações.

Guilherme Sanches disse...

Inimaginável, que há meio século, naquele ingénuo lanche do vosso primeiro encontro (preparado não tão ingenuamente), pudéssemos pensar que estaríamos hoje a comemorar essa data.
Mais do que um privilégio, é uma felicidade partilhar convosco a felicidade que merecem.
Continuem a ser felizes. Nós continuaremos a ser amigos.

patricio branco disse...

uma boa celebração, 40 anos é um bonito número, certinho, redondo, estas coisas merecem de facto uma entrada no blogue, felicidades e felicitações pois...

Anónimo disse...

Tantas boas comemorações este ANO.

Que alegria , bem estar e perspetivas sorridentes. Há quem mereça.

Um abraço amigo.

Guilherme.

Helena Sacadura Cabral disse...

Quarenta anos de casamento e cinquenta de amor é de tal forma bonito, que só se pode ficar maravilhado.
Aos dois, o meu sincero abraço de parabéns!

Anónimo disse...

Congratulations and celebrations.

Ergo a vossa saude um copo de tinto - Papa-Figos (Ferreirinha) por achar adequado a ocasiao.

Com um enorme abraco muito amigo

Saudades de Londres

F. Crabtree

mbs disse...

Parabéns!

Francisco Seixas da Costa disse...

Agradeço (pela primeira vez não só em meu nome) as notas de simpatia que tiveram a amabilidade de deixar neste post. Uma palavra especial para o Guilherme Sanches, co-autor de uma conspiração que deu no que deu.

Maria Helena Pinto Ribeiro disse...

Com algum atraso mas com a alegria em dia, muitos parabéns ao casal!

Alfredo Esteves disse...

Caro Francisco um abraço de parabéns ao jovem casal.
40 anos é obra.Sei o que digo pois já lá vão 45

Alfredo Esteves

João Alvarinho disse...

Engraçado como algumas/ns comentadeiras/os não o parabenizam por esta data especial...
Muitos parabéns, sr. embaixador!!

Anónimo disse...

Nem os dicionarios têm a sorte do Senhor Embaixador, pois quase nenhum deles reconhece o que é uma boa "cupincha" ou "copincha".
Que as vossas Parcas continuem, assim, fiando e dobando o fio da Fortuna dessa parceria quotidiana, por mais umas largas décadas!

Anónimo disse...

Estive uns dias em "retiro de blog" e só agora posso dar os merecidos parabéns à Gina e ao Francisco. Um abraço grande da minha cara-metade e meu. JPGarcia